Notícias
0

Jovens se preparam para reunião pré-sinodal com o Papa

O Ano de 2018 vai ser bem agitado e importante para a juventude do mundo inteiro. Além da Assembleia Geral do Sínodo dos Bispos, que será sobre o tema ‘Os jovens, a fé e o discernimento vocacional’ em outubro de 2018, o Papa Francisco convocou uma reunião pré-sinodal de 19 a 24 de março de 2018. O convite é para os jovens de diferentes partes do mundo: jovens católicos e jovens de diversas confissões cristãs e de outras religiões; também jovens não crentes.

A data do encontro, que terá como tema ‘Não tenhas medo, Maria! Encontraste graça junto a Deus‘, foi escolhida para permitir a participação de todos, na conclusão dos trabalhos, na celebração Eucarística do Domingo de Ramos com o Santo Padre na Praça São Pedro, por ocasião do 23º Dia Mundial da Juventude de 2018.

Para o bispo de Imperatriz (MA) e presidente da Comissão Episcopal para a Juventude, Dom Vilson Basso, esse encontro representa a seriedade e o amor com que o Papa Francisco trata a juventude.

“O Papa quer ouvir o que a juventude quer dizer. Na Jornada Mundial da Juventude no Rio de Janeiro em 2013, o Papa disse: ‘juventude é a janela do futuro. A juventude antecipa a mudanças culturais, especialmente’. O Papa, de fato, quer a presença protagonista da juventude na Igreja”, ressalta o bispo.

O encontro foi anunciado em outubro de 2017. Na ocasião, o Papa disse que esta iniciativa se insere no caminho de preparação para o Sínodo dos Bispos. “A Igreja quer se colocar à escuta da voz, da sensibilidade, da fé e também das dúvidas e críticas dos jovens. Por isso, as conclusões da Reunião de março serão transmitidas aos Padres Sinodais”, disse o Papa.

A Secretaria Geral do Sínodo dos Bispos chegou a divulgar nota afirmando que a iniciativa permitirá aos jovens exprimir suas expectativas e desejos, bem como suas incertezas e preocupações nas complexas situações do mundo de hoje.

Ao todo, serão convidados 300 jovens que serão escolhidos, principalmente, pelas Conferências Episcopais. É por isso que as Conferências Episcopais, as Igrejas Orientais, as operadoras, as pessoas próximas aos jovens, os representantes dos movimentos, associações e um bom número de jovens vindos de fora, tanto os cristãos quantode outras religiões e não-crentes ajudarão.

Segundo Dom Vilson Basso, quando esteve com o Papa em abril e agradeceu pelo Sínodo, o Papa disse: “Escute a juventude, de dentro da Igreja, mas especialmente, a juventude que não participa da Igreja. A juventude tem muito a dizer para a Igreja”.

A Reunião pré-sinodal contribuirá para enriquecer a fase de consulta já iniciada com a publicação do “Documento Preparatório” e o “Questionário”. O fruto dos trabalhos da Reunião será oferecido aos Padre Sinodais, junto com outra documentação, para favorecer a reflexão e aprofundamento.

A CNBB já encaminhou à Secretaria Geral do Sínodo as respostas ao questionário respondido pelos jovens do Brasil. Ao todo, 176 dioceses contribuíram com as respostas. Muitas delas enviaram as respostas pelo site do Sínodo que ainda recebe contribuições até 31 de dezembro de 2017.

“A juventude ainda pode contribuir com o Sínodo se aproximando mais da Igreja, participando ativamente, fazendo ouvir sua voz, rezando, acreditando que, de fato, que é um Kairós, um tempo de graça para a juventude e para a Igreja no mundo”, finalizou o bispo.

Por CNBB

Compartilhe:
  • googleplus
  • linkedin
  • tumblr
  • rss
  • pinterest
  • mail

Escrito por Província do Calvário

Equipe de produção de conteúdo da Província do Calvário em parceria com a agência Minha Paróquia. Caso queira contribuir com artigos e notícias, entre em contato pelo FALE CONOSCO!

Deixe o seu comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *